Pix errado! Consigo cancelar?

Compartilhe nas redes!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Consigo cancelar um Pix enviado errado?

Infelizmente não! Como o Pix se trata de um sistema de transferência instantânea, ou seja, que se leva pouquíssimos segundos para ser realizado, não existem mecanismos que podem cancelar a operação após seu processamento.

Conforme informado pelo Banco Central, esse tipo de transferência instantânea só pode ser interrompida antes que o usuário realize a confirmação do pagamento.

Dessa forma, quem envia um Pix errado, independente do banco que esteja utilizando, não terá a opção de cancelar a transferência realizada.

Dessa forma, a recomendação do Banco Central é que o cidadão confirme absolutamente todos os dados e chaves antes do envio da transferência.

Mecanismo Especial de devolução do Pix

Apesar de não ser possível cancelar um Pix enviado errado, o Banco Central disponibiliza desde novembro do ano passado o Mecanismo Especial de Devolução (MED).

O MED é destinado a agilizar o ressarcimento de usuários que são vítimas de fraude ou de falha na operação das instituições financeiras.

Nesse sentido, um usuário que foi vítima de golpe, o banco do qual partiu a transação possui um período de 90 dias para solicitar o dinheiro de volta para a instituição de destino.

Logo, o banco que recebe a solicitação de devolução que se encarregará de fazer uma análise, onde, durante o prazo o valor em questão fica bloqueado.

Assim, ao se confirmar que houve fraude ou falha operacional, o banco deverá notificar o usuário da conta que recebeu a transferência e posteriormente realizará a devolução do dinheiro.

Vale lembrar que o Mecanismo Especial de Devolução é utilizado exclusivamente para casos de fraude e falha em operações financeiras, ou seja, o cidadão que simplesmente enviou o dinheiro para uma pessoa errada ou ainda que tenha colocado um valor diferente, não existe uma ferramenta a ser utilizada.

Fonte:  jornalcontabil.com.br

Classifique nosso post post

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Posts Relacionados

Lucro real Anual ou Trimestral

Rosati O contribuinte optante pelo Lucro Real poderá escolher duas opções de apuração do IRPJ e CSLL. Lucro Real Anual Dentro da opção anual, existem duas modalidades: 1. Antecipações por Estimativa Mensal; 2. Antecipações com base em Balanço ou Balancetes

Quais os impostos que MEI paga?

Com o instituto de tirar da informalidade profissionais autônomos e pequenos empreendedores, em 2009 foi criado o MEI. Ao se formalizar como MEI, o empreendedor passa a ter um CNPJ próprio, a possibilidade de emitir notas fiscais e de ter

MEI ULTRAPASSOU O LIMITE?

O que deve ser feito ao ultrapassar o limite? Ao ultrapassar os R$ 81 mil reais anuais, será preciso pedir um novo enquadramento para a empresa, que poderá ser tanto para Microempresa (ME), quanto Empresa de Pequeno Porte (EPP), dependendo

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Back To Top