Perdeu a data de entregar seu IR? Veja como regularizar

6f5f5710 8fee 4375 9c9a 0522cd741516 - Contabilidade na Lapa - SP | RM Assessoria

Compartilhe nas redes!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

A Receita Federal liberou uma nova forma de parcelamento da multa, que é aplicada ao contribuinte que não entregou a declaração do Imposto de Renda dentro do prazo.

Agora, esse procedimento deve ser feito por meio do Portal e-CAC. A migração para este sistema foi necessária, pois, foi feita a atualização da tabela de códigos da Receita Federal.
Com isso, as dívidas relativas às multas por atraso deixaram de aparecer no sistema de parcelamento simplificado. Desta forma, os códigos passam a fazer parte do novo sistema de cobrança, são eles:

  • Código: 5320: para a multa de atraso na entrega da DIRPF;
  • Código 2170: para a multa de atraso na entrega da DIRF;
  • Código 7130: para a multa de atraso na entrega da declaração de espólio;

Se você está em atraso com a sua declaração e precisa parcelar a multa, continue conosco e veja como fazer esse procedimento que, agora, está mais simples.

Multa

O prazo de entrega da declaração do Imposto de Renda terminou no dia 31 de maio.

Se você é um contribuinte obrigado por lei a entregar a declaração, mas enviar após o prazo, será cobrada Multa por Atraso na Entrega de Declaração (MAED) que tem o valor mínimo de R$ 165,75.

Esse valor pode chegar a 20% do valor do imposto devido, além disso, são cobrados juros com base na Selic (taxa básica) enquanto durar o atraso.

Assim, ao entregar a declaração, o sistema fará o cálculo do valor do DARF (Documento de Arrecadação de Receitas Federais) automaticamente.

Vale ressaltar que o envio da declaração pode ser feito no prazo de até cinco anos, mas lembre-se que a multa aplicada pode pesar no bolso, então, a orientação é entregar o quanto antes.

Além da multa, aqueles que deixaram de declarar também podem ter o CPF bloqueado, o que traz vários transtornos ao cidadão com o impedimento de tirar passaportes,  contratar empréstimos e até prestar concurso público.

Como regularizar?

Para evitar o pagamento de valores altos relacionados à multa por atraso, é necessário que o contribuinte faça o envio da sua declaração através do programa da declaração do IR 2021, que pode ser acessado através do site da Receita Federal.

Opção é utilizar o aplicativo Meu Imposto de Renda, que está disponível para aparelhos celulares.

Depois do envio da declaração, será emitido um DARF (Documento de Arrecadação de Receitas Federais) com o imposto a ser pago, veja ainda que consta uma notificação de “lançamento de multa”.

Por isso, é necessário fazer o pagamento no prazo de 30 dias para que sua situação seja regularizada.

Parcelamento

Muitos serviços têm sido oferecidos ao contribuinte através do portal e-CAC e, agora, o parcelamento também se junta à eles.

Então, você deve acessar o sistema com sua conta gov.br através de senha ou código de acesso, e seguir os seguintes passos:

  • Selecione a seção “Pagamentos e Parcelamentos”;
  • Clique em “Parcelamento – Solicitar e acompanhar”;
  • Escolha a opção “aderir modalidade de parcelamento”;
  • Depois, preencha as telas seguintes com as informações solicitadas;
  • Selecione as dívidas;
  • Informe seus dados da conta bancária.

fonte: Jornal Contábil

 

 

 

 

Classifique nosso post post

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Posts Relacionados

Por quanto tempo deve se guardar do documentos no RH

Todos os dias, as empresas lidam com vários documentos em seu setor de Recursos Humanos (RH). Dependendo do porte da companhia, mais de dez contratos de admissão de funcionários são solicitados ao colaborador que está entrando na empresa. Todavia, antes

Educação Continuada

A educação continuada tem como objetivo atualizar o profissional sobre as tendências de mercado inovadoras, estratégias empresariais mais eficientes, modelos de gestão aprimorados e novas formas de se executar tarefas. Dentro das empresas, a educação continuada também pode estar presente

MEI

O MEI é conhecido por ser um modelo empresarial extremamente simplificado, no entando, indepente da sua simplicidade, a categoria de microempreendedor possui regras como qualquer outro modelo de negócio. Dessa forma, deixar de cumprir com as suas obrigações fiscais podem

PROFISSIONAL LIBERAL PODE SER UM MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL?

PROFISSIONAL LIBERAL PODE SER UM MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL? Por: Ana Luzia Rodrigues Quem decide trabalhar por conta própria se depara geralmente com algumas denominações como profissionais liberais e Microempreendedores Individuais (MEIs). O mundo moderno nos trouxe a possibilidade de escolher o

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Back To Top