Imposto de Renda 2022: Novas regras, declaração, tabela e restituição do IR

Compartilhe nas redes!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Imposto de Renda 2022: Novas regras, declaração, tabela e restituição do IR

A Receita Federal liberou nesta segunda-feira (7), o download do programa de declaração do Imposto de Renda 2022. Para entender detalhes sobre as novas regras, prazo para declarar o IR 2022, ter acesso a tabela ou dados sobre a restituição, basta conferir o artigo a seguir e tirar todas as dúvidas!

Imposto de Renda 2022
Imposto de Renda 2022 (Imagem: Montagem FDR)
Afinal, o que é e como funciona o Imposto de Renda (IR)?
Considerado o tributo mais importante do país, o Imposto de Renda é responsável por acompanhar sua evolução patrimonial. Uma vez ao ano, o governo solicita aos trabalhadores e empresas que informem para a Receita Federal quais são seus ganhos e despesas.

A dedução é realizada com base nas informações financeiras de cada contribuinte, obedecendo a tabela respectiva ao ano e ao modelo de contribuição.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Imposto de Renda 2022: como funciona a declaração pré-preenchida?
Imposto de Renda 2022: como funciona a declaração pré-preenchida?

Restituições do Imposto de Renda; especialista explica como ter direito a devolução do IRPF
Imposto de Renda 2021: Aprovado! Senado concorda em prorrogar declaração
Imposto de Renda 2022: saiba como declarar criptomoedas e empréstimos com Bitcoin
Previdência Privada tem modalidade que pode ser deduzida no Imposto de Renda; conheça
Previdência Privada tem modalidade que pode ser deduzida no Imposto de Renda; conheça

Tabela do IR pode ser corrigida; confira o que o Governo estuda fazer
Imposto de Renda 2022: UFPB oferece curso online gratuito sobre a declaração
Receita Federal altera o calendário do Imposto de Renda; confira as novas datas e documentos exigidos
IR 2022: prejuízos na bolsa de valores também precisam ser declarados; saiba como
IR 2022: prejuízos na bolsa de valores também precisam ser declarados; saiba como

Imposto de Renda 2022: UFPB oferece curso online gratuito sobre a declaração
IRPF e IRPJ
O IRPF é o modelo dedicado as pessoas físicas. É um imposto federal que incide sobre a todas as pessoas que tenham obtido um ganho acima de um determinado valor mínimo.

Anualmente este contribuinte é obrigado a prestar informações pela Declaração de Ajuste Anual – DIRPF.

O IRPJ é o modelo dedicado as pessoas jurídicas. É um tributo federal para as pessoas jurídicas não imunes/isentas sobre seu Lucro Real, após as adições e exclusões efetuadas sobre os lançamentos constantes do Lalur (Livro de Apuração do Lucro Real).

Imposto de Renda 2021: Aprovado! Senado concorda em prorrogar declaração
Imposto de Renda 2022: Conheça 5 aplicativos para te ajudar na declaração

Imposto de Renda 2022: Receita alerta para golpe do saque imediato da restituição
Previdência Privada tem modalidade que pode ser deduzida no Imposto de Renda; conheça
Imposto de Renda 2022: pensão alimentícia deve ser declarada?
IR 2022: prejuízos na bolsa de valores também precisam ser declarados; saiba como
Imposto de Renda: Governo estuda isentar investidores estrangeiros; entenda
Como declarar pagamento do FIES no Imposto de Renda? Veja passo a passo!
Imposto de renda 2022: NFT’s precisam ser declarados?
Previdência Privada tem modalidade que pode ser deduzida no Imposto de Renda; conheça
Receita Federal divulga lista de documentos exigidos no IRPF de 2022
Ou sobre o Faturamento/Receita Bruta, caso a empresa haja optado pelo pagamento do IR por Lucro Presumido, cujo percentual de presunção oscila entre 1,6% a 32%, conforme o tipo de atividade da empresa.

Atenção: Neste artigo, iremos focar em informações sobre o Imposto de Renda para pessoas físicas. Caso deseje maiores informações sobre o IRPJ, basta clicar aqui!

Declaração do Imposto de Renda em 2022
O prazo para realizar a declaração do Imposto de Renda vai de 7 de março até o dia 29 de abril, e as restituições do IR 2022 começarão a ser pagas no fim de maio e vão até setembro. A receita espera receber mais de 34 milhões de declarações este ano.

Entre as novidades para 2022 estão a possibilidade de pagar imposto e receber a restituição via Pix e a ampliação da funcionalidade da declaração pré-preenchida, liberada em todas as plataformas disponíveis para o preenchimento da declaração.

Quem não fizer a declaração dentro do prazo pode receber multa mínima de R$ 165,74, variando de 1% a 20% do imposto devido por cada mês de atraso.

• Compartilhe no WhatsApp
• Compartilhe no Telegram
Uma outra novidade na declaração do IR, é que exames de diagnóstico de Covid-19 poderão ser deduzidos na declaração do Imposto de Renda 2022.

Mas, atenção:

“Testes realizados em farmácia, mesmo com nota fiscal, não poderão ser deduzidos. Já os testes realizados em laboratórios, desde que comprovado o pagamento, poderão ser deduzidos“

Fonte: Receita Federal

Quem precisa declarar o IRPF 2022?
quem recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2021. O valor é o mesmo da declaração do IR do ano passado. ATENÇÃO: o Auxílio Emergencial é considerado rendimento tributátel
contribuintes que receberam rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma tenha sido superior a R$ 40 mil no ano passado;
quem obteve, em qualquer mês de 2021, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;
quem teve, em 2021, receita bruta em valor superior a R$ 142.798,50 em atividade rural;
quem tinha, até 31 de dezembro de 2021, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil;
quem passou para a condição de residente no Brasil em qualquer mês e se encontrava nessa condição até 31 de dezembro de 2021;
quem teve isenção de imposto sobre o ganho de capital na venda de imóveis residenciais, seguido de aquisição de outro imóvel residencial no prazo de 180 dias.
Quem NÃO precisa declarar o Imposto de Renda? (isenção do IR 2022)
Não precisa declarar Imposto de Renda são todos aqueles que receberam valor abaixo de R$ 28.559,70 em 2021.

A regra é válida para aposentados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), servidores públicos e assalariados de empresas privadas.

Atenção: Os informais que receberam auxílio-emergencial e tiveram renda acima de R$ 22.847,76 também precisam declarar.

Tem direito a isenção do IR:

Aposentados e assalariados que receberam abaixo de R$ 28.559,70 em 2021.
Pessoas que têm doenças consideradas graves, como HIV, alienação mental, cardiopatia grave, cegueira e outras patologias.
Pessoas com rendimentos de aposentadoria, pensão ou reforma.
Em casos de patologias, é necessário apresentar laudo médico para solicitar a isenção do Imposto de Renda 2022.

Documentos necessários para realizar a declaração do Imposto de Renda
Renda

Informes de rendimentos de instituições financeiras, inclusive corretora de valores;
Informes de rendimentos de salários, pró labore, distribuição de lucros, aposentadoria, pensões, etc.;
Informes de rendimentos de aluguéis de bens móveis e imóveis recebidos de jurídicas etc.;
Informações e documentos de outras rendas percebidas no exercício de 2021, tais como doações, heranças, dentre outras;
Livro Caixa e DARFs de Carnê-Leão;
Informes de rendimentos de participações de programas fiscais (Nota Fiscal Paulista, Nota Fiscal Paulistana, dentre outros).
Bens e direitos

Documentos que comprovem a compra e venda de bens e direitos ocorridas em 2021;
cópia da matrícula do imóvel e/ou escritura de compra e venda;
boleto do IPTU;
documentos que comprovem a posição acionária de cada empresa, se houver.
Dívidas e ônus

Informações e documentos de dívida e ônus contraídos e/ou pagos em 2021.
Rendas variáveis

Controle de compra e venda de ações, inclusive com a apuração mensal de imposto (indispensável para o cálculo do Imposto de Renda sobre Renda Variável);
DARFs de Renda Variável;
Informes de rendimento auferido em renda variável.
Pagamentos e deduções efetuadas

Recibos de pagamentos de plano de saúde (com CNPJ da empresa emissora);
Despesas médicas e odontológicas em geral (com CNPJ da empresa emissora);
Comprovantes de despesas com educação (com CNPJ da empresa emissora, com a indicação do aluno);
Comprovante de pagamento de previdência social e privada (com CNPJ da empresa emissora);
Recibos de doações efetuadas;
Recibos de empregada doméstica (apenas uma), contendo número NIT;
Recibos de pagamentos efetuados a prestadores de serviços.
Informações gerais

Nome, CPF, grau de parentesco e data de nascimento dos dependentes;
Endereços atualizados;
Cópia completa da última Declaração de Imposto de Renda Pessoas Física entregue;
Dados da conta para restituição ou débitos das cotas de imposto apurado, caso haja;
Atividade profissional exercida atualmente.
Fonte: G1

Como baixar e utilizar o programa do Imposto de Renda 2022?

Pelo computador
Do computador, o contribuinte deve baixar os programas do Windows, Multiplataforma (zip) e Outros (Mac, Linux, Solaris). O programa estará disponível no site da Receita Federal (clique aqui).

Pelo celular
Para os celulares, os programas estarão disponíveis para Android e IOS, buscando “Meu Imposto de Renda” na loja de aplicativos.

Essa opção não pode ser usada, entre outros, por contribuintes que tenham recebido rendimento:

tributável ou não, superior a R$ 5 milhões em 2020;
do exterior;
relativo a recuperação da parcela isenta da atividade rural;
ou correspondente a lucro em venda de imóvel residencial para aquisição de outro imóvel.
Preenchimento on-line
A declaração também poderá ser feita online, na página ‘Meu Imposto de Renda’, acessando o portal e-Cac (clique aqui).

Tabela do Imposto de Renda 2022 (cálculo do IR)
Diferente das promessas do governo Bolsonaro, o cálculo do Imposto de Renda 2022 não sofreu alterações e a tabela do IR não foi atualizada.

Continuam isentos os rendimentos mensais menores que R$ 1.903,98.

Confira as alíquotas do Imposto de Renda
Faixa 1: Até R$ 1.903,98: isento
Faixa 2: De R$ 1.903,99 até R$ 2.826,65: 7,5%
Faixa 3: De R$ 2.826,66 até R$ 3.751,05: 15%
Faixa 4: De R$ 3.751,06 até R$ 4.664,68: 22,5%
Faixa 5: Acima de R$ 4.664,68: 27,5%
Restituição do IR 2022
Ao realizar a declaração do Imposto de Renda, o contribuinte fica sabendo ou não se terá direito a restituição. A mesma funciona como uma “devolução” do valor pago a mais em tributos ao longo do ano.

Veja abaixo o calendário de restituições:

1º lote: 31 de maio
2º lote: 30 de junho
3º lote: 29 de julho
4º lote: 31 de agosto
5º lote: 30 de setembro
Mais dúvidas sobre Imposto de Renda
Como é feita a declaração do IR para MEI e autônomo
Como é feita a declaração do IR para aposentados
Como declarar gastos com escolas e faculdades
Como fica o pagamento do PIS/Pasep na declaração
Investimentos que precisam ser declarados no Imposto de Renda

FONTE SITE FDR

Classifique nosso post post

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Posts Relacionados

FRANQUIA É UM BOM NEGOCIO?

2  FRANQUIA É UM BOM NEGÓCIO? Se você está pensando em empreender, uma opção a ser considerada é abrir uma franquia. Embora o investimento inicial possa ser um pouco mais alto do que criar um negócio do zero, as franquias

CONFIRA NOVE APLICATIVOS QUE FACILITAM A ROTINA DIÁRIA

Esse dado impressionante é resultado de um estudo feito pela empresa especializada em mercado mobile Data.AI (antiga App Annie), que revela um importante papel de ferramentas que trazem praticidade para o nosso dia a dia. Seja para pessoas físicas ou

DAS entenda o que é e como funciona

Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS) unifica todos os impostos que devem ser pagos por empreendedores que optaram pelo regime tributário Simples Nacional. O valor do DAS Simples Nacional para MEs e EPPs não é fixo. Isso ocorre pois

Por quanto tempo deve se guardar do documentos no RH

Todos os dias, as empresas lidam com vários documentos em seu setor de Recursos Humanos (RH). Dependendo do porte da companhia, mais de dez contratos de admissão de funcionários são solicitados ao colaborador que está entrando na empresa. Todavia, antes

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Back To Top